.

.

terça-feira, 30 de outubro de 2012

COELHO NETO: UM POUCO DA HISTÓRIA DOS 119 ANOS


O Município de Coelho Neto possui uma extensão territorial de 976,1 km², faz parte da Mesorregião Leste, Microrregião de Coelho Neto, que compreende, além do próprio, os municípios de Afonso Cunha, Aldeias Altas e Duque Bacelar.

Diz a lenda que a cidade surgiu de um ajuntamento de "currais" as margens do rio Parnaíba, onde "nômades aventureiros" punham o gado para descansar, para depois seguir viagem por via fluvial ou tangendo por terra os animais.

O "Sítio Curralinho" foi fundado em 9 de julho de 1738, pelo sesmeiro Paulo Vaz Freire, que recebeu dos governantes portugueses as terras para cultivo. Elevado à condição de Vila em 1874, somente em 31 de outubro de 1893 foi oficialmente transformado no município de Sant"Anna do Curralinho. Foi a Câmara de Buriti de Inácia Vaz que instalou o município dando cumprimento à Lei nº 1.053 de junho de 1874.
No mesmo ano da emancipação, 1893, realizaram-se as primeiras eleições para a escolha de vereadores e do 1º Intendente ( nome que até cerca de 1930 se deu aos chefes do poder Executivo Municipal, hoje prefeitos).

No ano de 1910 foi extinto o Município de Sant"Anna do Curralinho ficando à administração sob responsabilidade do Município de Buriti de Inácia Vaz. Quatro anos depois, em 1914, foi restabelecido o direito do município decidir a sorte de seu destino. Foi a "reconquista" da emancipação obtida em 1893.

A substituição do nome Sant" Anna do Curralinho por Coelho Neto deu-se através do Decreto-Lei nº 746 de 22 de dezembro de 1934, em homenagem ao escritor, prosador, jornalista, professor, romancista, poeta, teatrólogo e político, "principe dos prosadores brasileiros", Henrique Maximiniano Coelho Neto, que morreu naquele mesmo ano.
Fonte: A Cidade de Coelho Neto no Estado do Maranhão - Milson Coutinho
Fotos: Acervo Nonato Sampaio (antigas), Josiel (recente).

Nenhum comentário:

Postar um comentário